Detran.SP exigirá comprovante de vacinação em prova prática

Detran.SP exigirá comprovante de vacinação em prova prática

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo divulgou um comunicado informando que, a partir de 20 de janeiro de 2022, será exigido o comprovante de vacinação contra Covid-19 para todos os candidatos do exame prático de direção veicular. O comprovante poderá ser apresentado em formato físico ou digital, no momento da assinatura da ata de presença;

O Detran.SP não informou se o candidato que não apresentar o comprovante deverá pagar uma nova taxa para reagendar o teste ou se será permitido reagendar sem custo. A obrigatoriedade do comprovante também se aplica aos examinadores.

Retorno do vencimento de processo !!

Retorno do vencimento de processo !!

Agora com a redução significativa dos casos de COVID-19 estamos cada vez mais perto do fim da pandemia, e com isso a Contran estabeleceu que os processos para tirar a CNH abertos voltam a ter validade de 12 meses; A decisão foi publicada na terça-feira (28/12/2021) no Diário Oficial da União (DOU). Ela dispõe sobre prazos previstos na Resolução Contran nº 789/20, que consolida normas sobre o processo de formação de condutores de veículos automotores e elétricos.

Processos com exame médico/psicotécnico até Dezembro de 2021, terão vencimento em 31/12/2022; Quanto aos novos processos de formação de condutores, voltam a ter a validade de 12 meses que começam a contar a partir da data do exame médico/psicotécnico, fazendo o processo voltar a funcionar da mesma forma que era antes da Pandemia.

Detran.SP autoriza retomada das aulas teóricas presenciais nos Centros de Formação de Condutores (CFCs)

Detran.SP autoriza retomada das aulas teóricas presenciais nos Centros de Formação de Condutores (CFCs)

O Detran.SP autorizou  o retomada das aulas teóricas presenciais nos Centros de Formação de Condutores (CFCs). A medida é aderente ao Plano São Paulo, do Governo do Estado, e válida apenas para municípios que estiverem a partir da fase laranja. Caso o Centro de Formação de Condutores esteja localizado em município reclassificado para a fase mais restritiva (vermelha), o curso presencial deve ser imediatamente suspenso. 

A autorização para a retomada dos cursos teóricos presenciais pelos CFCs beneficia cerca de 50 mil alunos em processo de primeira habilitação na capital, Grande São Paulo, interior e litoral paulista.  Também foi autorizada a abertura de novas turmas, cerca de 130 mil candidatos que desejam iniciar o processo de formação de condutor, totalizando 180 mil alunos interessados em obter a Permissão Para Dirigir (PPD).

Para evitar aglomerações e não colocar a saúde em risco de alunos e instrutores, a abertura de novas turmas será restrita a 30% da capacidade de cada sala de aula (10 Alunos). Como medidas de segurança e distanciamento social será obrigatório o uso de máscaras, disponibilização de álcool gel, espaçamento entre as carteiras e cadeiras escolares, higienização de balcões, computadores, maçanetas, corrimões e rampas de acessibilidade, ente outros equipamentos.

Os agendamentos devem ser feitos diretamente nas autoescolas, pelo sistema e-CNHsp.  

As empresas também serão orientadas a manter portas e janelas abertas e as salas com higienização reforçada ao final das aulas. Também não poderão ser disponibilizados itens, como canetas de uso comum, bem como revistas e livros. 

Além das aulas presenciais, os alunos de primeira habilitação que já concluíram o curso teórico, também podem agendar a realização das provas teóricas.  

A modalidade presencial para a realização dos exames teóricos está disponível nas unidades do Detran.SP e do Poupatempo do interior e litoral.

O governo estadual trabalha desde junho em parceria com a categoria para o retorno pleno das atividades dos Centros de Formação de Condutores. O cronograma de retomada começou em junho, com o reinício das aulas teóricas e práticas. Em seguida, o órgão liberou as provas teóricas, os exames práticos de rua e a permissão para novos alunos iniciarem a primeira habilitação. 

(COVID-19)

(COVID-19)

Considerando as medidas emergenciais estabelecidas nos decretos N° 64.862/20 e 64864/20 o governo do estado de são Paulo informamos que o DETRAN/SP, suspendeu exames teóricos e práticos a partir de 19/03 por tempo indeterminado.

Cabe ressaltar que nós da AUTOESCOLA BRASIL estamos tomando todas medidas necessárias para prevenção do vírus COVID-19 nossos colaboradores foram devidamente orientados a SEGUIR os protocolos de segurança.

Vem pra Brasil+, confira novos videos!

Vem pra Brasil+, confira novos videos!

CURSO DE PREVENÇÃO DE RECICLAGEM

CURSO DE PREVENÇÃO DE RECICLAGEM

 

SETEMBRO VERDE

SETEMBRO VERDE

Setembro Verde é mês da inclusão social!!!!!

 

É difícil pensarmos que pessoas são excluídas do meio social em razão das características físicas que possuem, como cor da pele, cor dos olhos, altura, peso e formação física. Já nascemos com essas características e não podemos, de certa forma, ser culpados por tê-las.

A inclusão está ligada a todas as pessoas que não têm as mesmas oportunidades dentro da sociedade. Mas os excluídos socialmente são também os que não possuem condições financeiras dentro dos padrões impostos pela sociedade, além dos idosos, os negros e os portadores de deficiências físicas, como cadeirantes, deficientes visuais, auditivos e mentais. Existem as leis específicas para cada área, como a das cotas de vagas nas universidades, em relação aos negros, e as que tratam da inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho.

O mundo sempre esteve fechado para mudanças, em relação a essas pessoas, porém, a partir de 1981, a ONU (Organização das Nações Unidas) criou um decreto tornando tal ano como o Ano Internacional das Pessoas Portadoras de Deficiências (AIPPD), época em que passou-se a perceber que as pessoas portadoras de alguma necessidade especial eram também merecedoras dos mesmos direitos que os outros cidadãos.

A princípio, eles ganharam alguma liberdade através das rampas, que permitiram maior acesso às escolas, igrejas, bares e restaurantes, teatros, cinemas, meios de transporte, etc. Aos poucos, o mundo foi se remodelando para dar-lhes maiores oportunidades.

Hoje é comum vermos anúncios em jornais, de empresas contratando essas pessoas, sendo que de acordo com o número de funcionários da empresa, existe uma cota, uma quantidade de contratação exigida por lei. Uma empresa com até 200 funcionários deve ter em seu quadro 2% de portadores de deficiência (ou reabilitados pela Previdência Social); as empresas de 201 a 500 empregados, 3%; as empresas com 501 a 1.000 empregados, 4%; e mais de 1.000 empregados, 5%.

Nossa cultura tem uma experiência ainda pequena em relação à inclusão social, com pessoas que ainda criticam a igualdade de direitos e não querem cooperar com aqueles que fogem dos padrões de normalidade estabelecido por um grupo que é maioria. E diante dos olhos deles, também somos diferentes.

E é bom lembrar que as diferenças se fazem iguais quando essas pessoas são colocadas em um grupo que as aceite, pois nos acrescentam valores morais e de respeito ao próximo, com todos tendo os mesmos direitos e recebendo as mesmas oportunidades diante da vida.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
JULHO VERDE.

JULHO VERDE.

Conheça um pouco sobre a campanha deste mês!

julhoverde2

 

 

 

EXPANSÃO DOS SIMULADORES

EXPANSÃO DOS SIMULADORES

Á partir de hoje iniciam as aulas de simuladores de 2° geração na  nossa unidade do centro, na Rua Campos Salles, 198 – Centro – Santa Bárbara D’ Oeste/ SP !

JUNHO VERMELHO

JUNHO VERMELHO

CAMPANHA DE DOAÇÃO DE SANGUE.

WhatsApp-Image-20160617

10170852_1024607120891237_4182184512837311685_n

SAIBA MAIS:

  •  4 vidas podem ser salvas com a doação de apenas uma pessoa;

  • 450ml é, em média, a quantidade retirada;

  • 107 milhões de doações de sangue são feitas no mundo por ano;

  • 50% das doações são feitas nos países desenvolvidos, que concentra apenas 15% da população mundial;

  • 10 minutos apenas demora a retirada de sangue;

  • 1,7% da população brasileira doa sangue com regularidade;

  • De 3,5% a 5% da população de um país é o considerado ideal segundo a OMS;

  • 70% das doações no Brasil são realizadas por homens;

  • 50% dos doadores são jovens entre 18 e 29 anos;

Fontes: Organização Mundial da Saúde (OMS), Ministério da Sáude e estudo da Universidade da Califórnia(EUA).

 

× Whatsapp Available from 00:01 to 23:59 Available on SundayMondayTuesdayWednesdayThursdayFridaySaturday